quarta-feira, 9 de setembro de 2009

Poema



AREIA DOURADA
Roseana Murray


Tudo é permitido
quando se carrega no bolso
um punhado de areia dourada:
o encontro de peixes e pássaros.

Na ciranda da vida
passe adiante o anel,
a chama das palavras
e dance ao som da Via Láctea.

A Terra gira no céu,
somos todos bailarinos.