terça-feira, 2 de dezembro de 2014

Na Paz

Ai, Dezembro! Não me surpreenda, não... Chegue de mansinho, vai de fininho sem muita alteração. Leve e suave. Na paz!