terça-feira, 5 de maio de 2009

Oh, Vincent!


Magnífico gênio indomável. Quanta beleza aplicada pelo viés dos seus pincéis mágicos. No que você pensava, Vincent? Por que se atormentava tanto? Seus quadros são ímpares no acervo mundial dos grandes artistas. Seus "tracinhos" a criar imagens tão magníficas. Ah, Vincent! Já tive a emoção de estar diante de um quadro seu (MASP)! Seu nome está escrito no hall das grandes estrelas. Estrelas como aquelas que você pintou em The Starry Nigth. Tela imortalizada e homenageada na música - Starry, Starry Nigth, de Don McLean:




Starry, starry night


Estrelada, noite estrelada


Paint your palette blue and grey


Pinte sua paleta azul e cinza


Look out on a summer's day


Olhe ao redor em um dia de sol


With eyes that know the darkness in my soul


Com olhos que conhecem a escuridão na minha alma


Shadows on the hills


Sombras nas colinas


Sketch the trees and the daffodils


Desenhe árvores e narcisos


Catch the breeze and the winter chills


Pegue a brisa e a friagem do inverno


In colors on the snowy linen land


Em cores da terra enevoada


Vincent Van Gogh, pintor impressionista, holandês, nascido em 1853. Tanta genialidade e tanta loucura. O grande gênio da pintura tirou sua própria vida atirando no peito. O ano era 1890. Morreu pobre e no anonimato.