domingo, 20 de dezembro de 2009

2009 - Foi UÓ

Fim de ano acabando, hora de fechar para balanço. Analisar o que foi bom, o que foi ruim, o que foi triste, o que foi alegre. Aquilo que valeu a pena e aquilo que poderia ter sido evitado. Erros e acertos, se assim podemos nomear. Errar e acertar são atitudes muito subjetivas. Alguns fatos marcantes no mundo me deixaram muito triste. Por isso achei UÓ:

- A queda de várias aeronaves, ceifando inúmeras vidas de todas as nacionalidades.

- Os infindáveis bate-boca no Congresso Nacional entre os nobres deputados e senadores, além dos números incontestáveis da corrupção que toma conta deste país. Sarney ter saído ileso de todas as acusações.

- o escândalo do Dr. Roger Albdemasshi, acusado de quase 60 casos de estupro.

- A morte de um mito, Michael Jackson, prestes a dar reinício à sua carreira e mostrar que dentro daquele corpo bizarro ainda habitava um grande artista.

- A morte de Clodovil, o nosso ícone de “homem-verdade” e o rei das polêmicas.

- A pandemia da gripe suína que gerou pânico entre a população, além de ter causado várias mortes. Uma história ainda não bem explicada.

- Rio de Janeiro ter sido eleita a sede das Olimpíadas de 2016.

- Universitária oportunista ganhando “fama” e dinheiro às custas de uma pseudo-polêmica: que roupa deve-se usar no recinto de uma faculdade?


- Vanusa entoando e cantando desafinada o nosso Hino Nacional. Hilário.

- A fraude nas provas do Enem, que para mim virou ah, nem!

- O nosso país não ser um país formado por um povo civilizado, que não tem como base a educação e o acesso a cultura. Um povo que se contenta em assistir novelas, reality shows, programas de auditório toscos que riem da nossa inteligência (há vida inteligente no Brasil, pouco mas há).

 - Enfim, chega de enumerar fatos ruins. Depois quero postar aquilo que foi UÓ de bom!

Christiane