quinta-feira, 22 de julho de 2010

Eu Já Sabia!

Assunto de interesse da Nação: o índice medidor do ensino no Brasil é falho e não resolve o problema. Este tema deveria ser levado a sério por todos, uma vez que você, certamente, tem na sua família alguém prestes a entrar para a faculdade tentando vestibular nas federais. Sempre tive conivcção de que tais medidas populistas não vêm melhorar em nada o ensino deste país, pois faço parte do sistema e, como docente, apoio incondicionalmente as palavras do ex-chefe do INEP, Otaviano Helene. A entrevista que ele deu ao site do terra vem corroborar as minhas experiências como profissional da educação e como mãe de vestibulando. Leia na íntegra pelo link:


Leia um trecho:
Para o professor da USP, o Enem também não cumpre com seu objetivo inicial, de aumentar as chances de estudantes menos favorecidos entrarem na faculdade.

Faz muito tempo que a gente sabe que esses problemas existem. E tudo o que a gente faz é medi-los? Não tem sentido isso. Nenhum problema vai ser resolvido porque ele foi medido várias vezes. Parece um pouco uma cortina de fumaça. O Enem veio mais para criar problemas do que para solucionar. Quando inventaram o Enem era pra dar uma oportunidade para os estudantes mais desfavorecidos. Tudo bobagem. O cara que vai bem no Enem, vai bem no vestibular de múltipla escolha, no dissertativo, em redação e em matemática. O cara que vai mal no Enem, vai mal em tudo.