domingo, 16 de novembro de 2014

Passageiros

Minha mãe sempre diz: não há dor que dure para sempre! Tudo é vário. Temporário. Efêmero. Nunca somos, sempre estamos.

Chico Buarque