quinta-feira, 5 de setembro de 2013

Meus Dramas Mexicanos


''Se não fosse essa mente cheia de paranoias, não seria eu. Se não fosse esse meu jeito todo desastrado, não seria eu. Se não fosse esse meu olhar por vezes perdido, não seria eu. Se não fosse essa confusão toda, não seria eu. Se não fosse esse amontoado de erros, ainda assim não seria eu. Se não fosse os medos, receios, atropelos, ansiedade, impulsividade não seria eu. Se não fosse os desencontros, não seria eu. Se não fosse as imperfeições, não seria eu. Eu, imperfeita, eu desigual, eu incógnita. Eu, imensidão de mim... ''

Simony Thomazini
Ver o original em  Meus dramas Mexicanos